11 setembro, 2007

9/11

Ao ver o Blog Foguetabraze, lembrei me que fazia 6 anos do 11 de Setembro. É isso mesmo, 6 anos que começou a guerra contra o Terrorismo, que começou a pequena/grande retaliação de Bush sobre o Iraque e que começou a divisão Ocidente/Oriente.Lembro-me como se fosse hoje, estava eu na escola Secundária Domingos Rebelo e o meu pai ligava-me a dizer que os EUA estavam a ser atacados. Na hora do almoço, vinha eu almoçar ao centro da cidade e ao passar na rua Machado dos Santos, de Scooter, via-se o olhar pasmado das pessoas em frente as lojas de electrodomésticos a verem nas televisões o sucedido. O mundo já não era o mesmo, os Estados Unidos começavam a procura de um "Bode Expiatório" para culpabilizar. O Mundo transformava-se e os Britânicos, como principal elo de ligação entre Europa e EUA, foram os primeiros a mostrarem-se solidários com os acontecimentos. Começava a guerra contra o invisível. Todos desconfiavam uns dos outros, um verdadeiro estado natureza de que Rousseau nos fala, até que surge Bin Laden a reivindicar os atentados. Era o início de uma nova forma de Guerra, contra um inimigo desconhecido, com células um pouco por todo o mundo.

1 comentário:

Rui Gamboa disse...

Olha aqui e diz lá o que achas.

http://maquinadelavax.blogspot.com/2007/09/quem-puxa-os-cordelinhos.html